Poesias de CARMEN ORTIZ CRISTAL:

 

- DO CRISTAL A TRANSPARÊNCIA.

- MOMENTO ÚNICO!...

- POR UM DESEJO ARDENTE, VEM!...

- NO MUNDO DOS SENTIDOS...

- VIDA!...

 

DO CRISTAL A TRANSPARÊNCIA.

CARMEN ORTIZ CRISTAL

 

Chego com a brisa, que me traz

De longa viagem!...

 

Sobrevivi!...

Varei tempestades.

Ultrapassei o tempo!...

Enganei o destino

Predeterminado...

Sonhei!...

Alcancei metas...

 

Travei lutas.

Venci batalhas.

Ganhei espaço,

Perdi pedaços de mim,

mas jamais desisti...

 

Num caminhar constante,

Sem armadura!...

Como arma o amor,

Companheira minha poesia...!

 

Feri meu coração,

mas na fé e esperança

levantei bandeira...

Superei obstáculos!...

 

Das qualidades,

forte na humildade!...

Dos defeitos,

capaz na decência!...

Ser humano!... Mulher...

Buscando sempre ser verdade...

Incapaz de fazer o mal.

 

Fui capaz sim!...

Por mim e por todos...

Que por mim buscaram, acreditaram...

Ter garra além das forças...

Lutar até o último alento.

 

Sou o que sou...

Amiga!...

Companheira!...

Na transparência me dou!...

Tatuada em carinho,

forjada no amor...

Sou Cristal!...

 

 

 

MOMENTO ÚNICO!...

CARMEN ORTIZ CRISTAL

 

Uma lágrima que cai!...

Um sorriso...

Diante de ti me calo,

Dando lugar à inspiração,

para em poesia poder te abraçar...

Dizer deste carinho, deste amor!

Um amor puro, um sopro de vida...

Um amor que te quer ver feliz...

 

Na tua presença, o sonho.

Na ausência, as saudades...

O vazio da espera,

o medo de que não retornes...

 

Num misto de dor e felicidade,

o coração bate mais forte...

Um mundo de emoções,

que me envolve,

aquecendo-me a alma...

Tomando-me a razão...

 

Um mundo de esperança,

trazido por mãos de anjo...

Anjo de bondade!...

Anjo de carinho!...

Um anjo enviado por Deus,

para que eu saiba que o bem existe...

Que no mundo, ainda, há bondade...

Que o amor e dedicação constroem.

 

Um alguém muito especial,

que me fez ver e sentir

O lado bom do ser humano...

Tomando minha alma,

Meus pensamentos!...

Meu coração...

 

Acordando em mim,

num momento único,

a vontade de amar...

Semear flores pelos caminhos,

esquecer a dor e os desenganos,

renascer para a vida...

Ir de encontro à felicidade.

 

 

POR UM DESEJO ARDENTE, VEM!...

 CARMEN ORTIZ CRISTAL

 

Ouço!! Quanto é doce teu chamado!...

Doce apelo da tua ansiosa alma amante!

Delicioso querer do coração apaixonado!...

Em nós, como um rio escaldante...

 

Preciso acreditar ser plausível...

Viver como nos contos de fada.

Uma história de amor impossível...

realizando desejos na madrugada!

 

Seguir contigo o rastro das estrelas...

Fluentemente, dando voz ao sentimento...

Subjugados  pelo mesmo querer

no amor, amar em consentimento...

 

De ti, queres que eu veja e eu vejo!...

De mim, queres que eu sinta e eu sinto!...

Não me torture!... Sacia-me do teu beijo...

És tudo o que mais quero, eu não minto.

 

Deixe-me ser tua verdade, tua inspiração!

Loucuras reais para meu poeta amado...

Encontro em versos de paixão, ser emoção...

Puro ou pecaminoso real amor desejado.

 

Nas rimas do que sou não há limites: vou além...

Para nas entrelinhas fazer amor, ser melodia...

Ouço e respondo sem medos: Te espero, vem!...

Seja meu que serei tua!... Vida e poesia...

 

A natureza fala por nós,  nos aguarda,

Um dia pagaremos por nossas indecisões...

 

Não tardes!...

 

 

NO MUNDO DOS SENTIDOS...
 
CARMEN ORTIZ CRISTAL

 

Vazios que dilaceram a alma,
calam a razão!...
Solidão que empurra ao caos...
Noites mal dormidas,
Dores de um amor...
Um amor solitário...
No desatino, a busca por consolo.
Descobrir abrigo em outros braços...
Desencontros!...
Dores e dissabores, dor e lágrimas!...
Encontros que silenciam o coração.

Deitar sobre os esquecimentos,
viver por viver na ordem animal...

 

 

VIDA!...

 CARMEN ORTIZ CRISTAL

 

Chama que crepita forte!

Ao mesmo tempo, delicada...

Apaga-a num segundo a morte!

Por mais que a sintas complicada...

É um bem precioso, incomparável!

Mantenha-a viçosa e saudável.

 

Os infortúnios são meras passagens.

Não fiques a lamentar, tenhas esperança!

Da vida tudo nos vem em dosagens...

Depois da tempestade, haverá bonança!

Para tudo há um devido momento...

Para a lágrima e dor terás alento...

 

Não desistas de sorrir, ir em frente!

Alimenta a chama em tua alma...

Busca todas as formas de amar!

Prevaleçam no coração, razão e calma...

Mantenha-te sempre forte, em pé!

Teus sonhos conquistarás, não percas a fé!

Importante é perseverar e acreditar...

 

Jamais desistas de alimentar a chama da vida,

para alimentá-la,
apenas, precisas saber dar e receber,
precisas saber amar...
 

 

(Inspirado no poema

"A VIDA" de Victor Jerónimo)

 

 

 

Voltar

 

Copyright © 2006, Mensageiros do Amor- Todos os direitos reservados.
Publicado: 06.04.2006  Última atualização:  04.06.2006

Webdesigner:  Sonia Orsiolli